youtubers

Dicas para ser um YouTuber de sucesso

Moda, literatura, música, culinária e até alguma situação engraçada que aconteceu com você podem virar temas de canais no YouTube. Todos os dias, novos vídeos são postados no site com formatos curtos e sem muita produção, a maioria com o próprio dono da página na apresentação, mostrando suas próprias ideias.

Este formato gera muitas visualizações e seguidores fiéis, por isso acaba atraindo também publicitários e o próprio YouTube. E é aí que a brincadeira de fazer vídeos pode virar um negócio lucrativo.

Com mais de 72 mil likes em seu canal, a jornalista e vlogueira Fernanda Catânia, a Foquinha, nos conta que para ser umayoutuber (ou vlogger) de sucesso é preciso se destacar no mundão da internet. Isso é possível cuidando de alguns detalhes essenciais, saiba quais são eles:

1. Fale sobre o que você gosta

Assim você se sente mais confortável diante das câmeras. Se souber cozinhar, por exemplo, por que não um canal de culinária?

2. Abuse da criatividade

Hoje o YouTube abriga vários tipos de canais, então depois de escolher o seu tema, comece a explorar ideias e criar algo novo. “Se você quiser se diferenciar nessa gama, tem que haver um diferencial!”, alerta Foquinha.

3. Coloque suas ideias no papel

Escolha o melhor método para desenvolver qualquer assunto diante de uma câmera: crie um roteiro, faça anotações em um quadro, escreva tópicos para lembrar dos assuntos a serem tratados… O que funcionar melhor para você.

“Não precisa repetir cada palavra que você planejar, até porque assim ficaria algo muito ensaiado. Apenas mantenha uma base para não se perder na hora de gravar”, aconselha a vlogueira.

4. A atualização do canal será seu compromisso

No início do seu vlog, escolha um dia da semana e se organize para ter o vídeo prontinho para ser postado no YouTube. “Não só pra galera saber quando terá novidades, mas também para ganhar espaço no YouTube e firmar seu canal”, justifica a jornalista.

Depois você poderá aumentar a quantidade de vlogs, incluindo quadros e respondendo tags, atividades muito comuns dos youtubers. Só não deixe de cumprir as datas que você prometeu aos seguidores!

5. Fique de olho em todas as redes

O YouTube permite muita interação nos comentários e calcula seu número de inscritos, que recebem notificações por e-mail toda vez que saem vídeos novos no canal. Mas não se esqueça que ainda tem gente no Facebook, Twitter ou Instagram que precisa ser avisada das novidades por meio dessas redes.

Foquinha conta que aprendeu a importância das redes com sua própria experiência: “Eu sempre percebo um aumento de visualizações quando aviso que tem vídeo novo pelo Instagram e as outras redes”.

6. Ouça seu público

Tendo o principal assunto do canal definido será mais fácil reunir o público interessado, mas nada de entrar na zona de conforto e só esperar pelas visualizações! Foquinha ressalta a importância de acompanhar o interesse dos fãs do canal e atender a pedidos quando possível: “A internet é flexível, permite que a gente crie sempre coisas novas. Principalmente no YouTube! Dentro de um canal é possível criar novos quadros e inovar sempre”.

7. Confie na sua personalidade

Para a youtuber, a ideia de ser você mesma diante das câmeras não é um clichê. “Assuma sua característica mais forte e leve para os vídeos. Se você for a piadista do seu grupo de amigos, por exemplo, mostre seu perfil engraçado”, explica. E ela ressalta: “Lembre-se que quem vai assistir são pessoas normais como você, não precisa ter medo”.

8. Escolha o melhor cenário

É importante ter um lugar calmo e sem muito barulho, onde você possa ter certeza que não será interrompida durante a gravação. Este local será seu cenário pelo menos no começo do seu vlog, então avalie se há boa iluminação e aposte numa decoração divertida. “Gravar na frente de um fundo branco pode ficar meio sem graça, né?”, observa Foquinha.

9. Trabalhe com o que puder

Não precisa gastar horrores em câmera, microfone, iluminação e outros tipos de equipamentos profissionais, este é um investimento que deve ser pensado de acordo com o crescimento e necessidade do seu canal.

Foquinha tranquiliza as aspirantes ayoutubers: “Uma câmera com boa resolução e um lugar bem selecionado são os itens mais importantes para começar”.

10. Edição é a alma do negócio

“Se você não souber fazer, é bom ter alguém que saiba para trabalhar com você”, aconselha Foquinha. Segundo ela, o corte de espaços longos entre as falas, as “sujeirinhas” como chama Foquinha, é uma técnica de edição essencial para vlogs.

A experiência de consumir conteúdo pelo YouTube não é a mesma que pela televisão, na internet o espectador prefere vídeos curtos. Isso também pode ser resolvido com a edição, com a função você pode controlar o tempo ou deixar um vídeo muito longo mais interessante.

Editando seus vídeos você pode também inserir trilha sonora e animações que mostram a identidade do seu canal.